Abertura de novas empresas cai 25% em abril

Abertura de novas empresas cai 25% em abril

Abertura de novas empresas cai 25% em abril

“Tendência é piorar nos próximos levantamentos”, acredita empresário

(Foto: Agência Brasil)

Creso Suerdieck

A abertura de novas empresas teve queda de 25,7% em abril em comparação com o mesmo mês de 2019, segundo levantamento da Serasa Experian. Foram abertas 194,8 mil empresas no mês, sendo que 84,7% na categoria de microempreendedor individual (MEI).

A maior parte das novas pessoas jurídicas é do setor de serviços (68,9%) e está na Região Sudeste (51,1%). A Região Sul foi a segunda em número de novos negócios, com 17,6% do total, seguida pelo Nordeste, com 15,8%.

Creso SuerdieckO empresário Creso Suerdieck crê que a queda tende a piorar nos levantamentos dos próximos meses. “As juntas comerciais estaduais ficaram fechadas por meses, como abrir empresas? Turismo e aviação foram setores que praticamente zeraram nos últimos tempos. No ramo do entretenimento, bares, restaurantes e boates abriram recentemente com capacidade reduzida após longa temporada com as portas cerradas. Situação muito difícil”, acredita.

Para o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, o perfil dos novos empreendimentos mostra que as pessoas veem a necessidade de garantir renda com pouco investimento. “Por isso, o setor de serviços é preferível, já que nessa área podem ser criados ramos de atuação que não dependem da contratação de um espaço ou equipe de trabalho”, destacou.

Pequena Empresa1 – Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *