CyberLabs: maior da América Latina no setor

CyberLabs: maior da América Latina no setor

CyberLabs, de inteligência artificial, e Psafe, de segurança digital, anunciam fusão

Negociações entre as empresas brasileiras foram iniciadas no segundo semestre de 2020

Foto: Getty Images

A empresa de inteligência artificial CyberLabs e a companhia de segurança digital Psafe anunciaram uma fusão, sendo que o resultado agora é chamado de Grupo CyberLabs. Segundo a marca recém-formada, trata-se do maior grupo que combina IA e cibersegurança em toda a América Latina.

As negociações entre as empresas brasileiras foram iniciadas ainda no segundo semestre de 2020 com apoio do fundo de investimentos Redpoint, que faz parte do quadro de capital de risco de ambas as companhias. O principal objetivo da união é juntar a expertise da Psafe, que possui laboratórios de análise de ameaças e softwares de proteção, com os clientes dos serviços da Cyberlabs, que inclui especialmente os usuários do software de acesso por reconhecimento facial KeyApp e o InSight Now, que analisa imagens de ambientes monitorados por câmeras.

Creso SuerdieckSegundo o especialista em fusões de empresas Creso Suerdieck, o setor abrangido por estas duas companhias têm crescido muito ultimamente, mesmo durante a crise da pandemia de Covid-19. “Com isso, cria-se uma empresa gigante, o que é bom para o mercado, principalmente nesta área específica”, acredita.

O Grupo Cyberlabs deve investir no setor B2B, ou seja, negociações com outras empresas para oferecer os serviços de proteção. Marcas de pequeno e médio porte são os principais alvos — golpes, invasões e ataques cresceram durante a pandemia e essa camada a mais de segurança deve ser o diferencial do novo empreendimento.

Deixe uma resposta

*