Turismo no Brasil desaba 55,4% em abril

Faturamento do turismo no Brasil desaba 55,4% em abril e tem pior resultado da série histórica

Mau desempenho do setor é impulsionado por baixa de quase 80% do faturamento do transporte aéreo, segundo relatório.

O faturamento do turismo no Brasil sofreu queda de 55,4% em abril, em comparação com o mesmo período do ano passado. Essa foi a maior retração da série histórica iniciada em 2011.

Os dados são do levantamento do Conselho de Turismo da FecomercioSP, baseado em números divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No mês, marcado por medidas mais restritivas de distanciamento social para conter o avanço da Covid-19 no país, o setor registrou um faturamento de R$ 5,43 bilhões e prejuízo de R$ 6,76 bilhões na comparação com abril de 2019.

Segundo a entidade, das seis atividades pesquisadas, cinco registraram baixa em seu faturamento real no comparativo anual. O transporte aéreo foi o segmento mais afetado, com queda de 79,2%, seguido pelos serviços de alojamento e alimentação, que tiveram retração de 65,6%.

Com os cancelamentos e remarcações de viagens, intensificadas em março, o prejuízo do setor de turismo, somando-se os meses de março e abril, chega a R$ 9,5 bilhões – queda de 38,9% em relação ao mesmo bimestre no ano passado. No acumulado de 2020, a retração até o mês de abril foi de 18,3%.

Continue lendo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *